Surfer Magazine chega ao fim

Um dos veículos mais emblemáticos do surfe mundial a revista Surfer Magazine anunciou recentemente que irá “fechar as portas”. O anúncio do encerramento da chamada “Bíblia do Surfe” veio em meio à polêmicas por conta do apoio do candidato à presidência dos Estados Unidos “Joe Biden”

De acordo com postagens nas redes sociais, a última publicação ocorrerá no final do mês de outubro. O editor Todd Prodanovich informou que toda a equipe fora demitida. O editor manifestou publicamente o apoio a um candidato à Casa Branca pela primeira vez através do artigo “Por que os surfistas devem votar em Joe Biden e Kamala Harris”.

Prodanovich também se manifestou dando uma prévia das pautas que serão destaques na edição derradeira da revista; a capa traz uma imagem aérea de uma remada em prol do movimento “Black Lives Matter”, além de conter uma matéria sobre o movimento LGBTQ+.

Publicidade

“Engraçado como você pode ter um emprego como este por dez anos, e como cada edição pode tornar-se uma jornada completamente diferente e nova. Vou sentir muita falta dessa parte e da revista em geral, que termina após 60 anos de publicação. Espero que todos gostem dessa edição e obrigado pela leitura ao longo dos anos”, afirmou.

A Surfer Magazine foi fundada por John Severson, que faleceu em 2017.

A capa da última edição – Foto: reprodução

Fonte/ por ricosurf.com.br