Mogiquiçaba sedia etapa do baiano

A Paradisíaca Praia de Mogiquiçaba na Costa do Descobrimento vai ficar “pequena” durante a 2a. Etapa do Circuito Baiano de Surf

O motivo é o grande Sucesso do Circuito Baiano após a Etapa de Ilhéus quando os Surfistas deram um show de manobras.

Na categoria Sub 10, o Atleta de Itacaré Bernardo Bicalho foi a grande revelação sagrando-se campeão, na categoria Sub 12, o Atleta Felipe Guerreiro de Praia do Forte foi o campeão, na categoria Sub 14, a galera deu um show de Surf e manobras patrocinadas por Rayan Fadul de Itacaré, Gabriel Guerreiro de Praia do Forte e Isaac Lorente de Ilhéus.

Publicidade

A categoria Sub 16 mostrou o Surf sólido de Gabriel Paiva de Itacaré, a performance de Diogo Santos de Ilhéus o foco de Lázaro Nunes Atleta da Praia do Forte que disputou duas finais.

Na Sub 18 Davi Mendes confirmou o favoritismo e saiu Campeão da Pedra da Cachorra.

Fabrício “Bibiu” Bulhões deu um show de rasgadas e aéreos e foi o grande campeão da Open disparando na liderança do Ranking Baiano 2020.

A Categoria Master teve uma disputa eletrizante entre Wallace Sampaio e o “professor” Jerônimo Bonfim que foi vencido na última onda com uma diferença de quinze centésimos.

Mogiquiçaba aguarda a galera pra mais um “duelo”, a ASEB – Associação de Surf e Ecologia de Belmonte realiza a próxima etapa e oferece alojamento aos atletas inscritos.

O trabalho continua sendo feito em prol do desenvolvimento do Surf Baiano

Aloha.

Por Federação Baiana de Surf